Rss Feed Tweeter button Facebook button Youtube button


Rock’n'Pets – Turnê Animalive

Escrito por Leonardo (online). Publicado em Animais, Bem Estar Animal, Rock'n'Roll | 4449 visualizações

O Projeto Rock’ n Pets – Turnê Animalive – é iniciativa de Cadu Pelegrini em conjunto com sua banda Kiara Rocks, é uma banda de rock de São Paulo-SP, é formada pelos músicos Cadu Pelegrini (vocal e guitarra), Anselmo Fávaro (guitarra), Juninho (baixo), e Ivan Copelli (bateria). Com o objetivo de ajudar através de shows mensais da banda organizações não-governamentais sem fins lucrativos que acolhem, cuidam e colocam para adoção animais de estimação.

A ideia inicial é reverter todo o lucro do show para a ONG escolhida. Assim ajudando na alimentação dos animais e também nos cuidados médicos.

No domingo (06/05) a turnê estreou no Na Mata Café em São Paulo. A primeira ONG ajudada foi a Clube dos Vira Latas, a estréia obteve um ótimo resultado, foram R$ 3.480,00 arrecadados totalmente revertidos em 2.610Kg de ração.

A agenda de futuros shows ainda está sendo criada. O projeto pretende se estender para diversas cidades do Brasil, assim necessitamos de ONGs dispostas a ajudar na organização, locais para a realização dos shows, patrocínios, e colaboradores.

Quem estiver disposto a ajudar de alguma maneira entre em contato pelo site  www.rocknpets.org ou pelo telefone (11) 9661-0070. Ainda temos um espaço especial para o projeto no nosso fórum, confira!

Seguem algumas fotos da banda em ação!



Você percebe que está ouvindo U2 demais quando…

Escrito por Lain. Publicado em Novidade, Rock'n'Roll | 8415 visualizações

…tem uma mosca na sua casa e você nem liga.
…você usa óculos escuros dentro de casa.
…você atende ao telefone falando “Hello Helloooo”.
…você realmente está pensando em fazer uma tatuagem do U2.
…você se considera meio irlandês.
…enquanto todos têm uma bola de praia inflável, você tem um limão gigante inflável.
…a única palavra em alemão que você conhece é “Achtung”.
…não importa a situacão em que você se encontre, tem sempre um trecho de uma música do U2 que se encaixa perfeitamente.
…é 16 de junho, o relógio marca 9:05 e você automaticamente espera a campainha tocar.
…você escuta Suspicious Minds no rádio e comeca a cantarolar Angel of Harlem.



It’s only Rock’n'Roll…But I love it.

Escrito por Lain. Publicado em Rock'n'Roll | 3627 visualizações

Oie pessoal!! Hoje resolvi falar sobre uma das coisas que eu mais amo no mundo, depois de animais e brigadeiro de microondas: Música. Bem, não é somente música na verdade. Falo do bom e velho Rock’n'Roll, nascido nos Estados Unidos na década de 50.

Inovador e diferente de tudo que já tinha ocorrido na música, o rock unia um ritmo rápido com pitadas de música negra do sul dos EUA, e o country. Uma das características mais importantes do rock era o acompanhamento de guitarra elétrica, bateria e baixo. Com letras simples e um ritmo dançante, caiu rapidamente no gosto popular. Apareceu pela primeira vez  num programa de rádio no estado de Ohio (EUA), no ano de 1951.

A rock na década de 50: primeiros passos

É a fase inicial deste estilo, ganhando a simpatia dos jovens que se identificavam com o estilo rebelde dos cantores e bandas. Surge nos EUA e, embora muito criticado na época como sendo a ‘música do diabo’, conquista o coração dos jovens americanos e, em pouco tempo, espalha-se pelo mundo. No ano de 1954, Bill Haley lança o grande sucesso Shake, Rattle and Roll. No ano seguinte, estoura no cenário musical o rei do rock Elvis Presley. Unindo diversos ritmos como a country music e o rhythm & blues. Em janeiro de 1956, Elvis Presley lançaria o single Heartbreaker Hotel, atingindo vendas extraordinárias. Nesta década, outros roqueiros fizeram sucesso – exercendo grande influência no rock’n’roll da época – como, por exemplo, Chuck Berry (Maybellene, Roll Over Beethoven e Johnny B. Goode), Jerry Lee Lewis (Great Balls of Fire, High School Confidential e Whole Lotta Shakin’ Goin’ on) e Little Richard (Long Tall Sally, Tutti-Fruti e God Golly Miss Molly).

Vídeos recomendados:

Hound Dog (1956) – a apresentação na qual Elvis escandalizou o público americano dançando de uma forma que, na época, era considerada “indecente”.

Jerry Lee Lewis – Whole Lotta Shakin’ Goin’ on